12 de ago de 2014

Volkswagen Kombi

 A Kombi foi o primeiro Volkswagen produzido no Brasil em 1957, mas não era nenhuma novidade pois já era vendida por aqui durante toda a década de 50 como importada e só no final da década iniciou sua produção na nova fábrica em São Bernardo do Campo/SP, antes mesmo da nacionalização do Fusca.


A kombi possuia um motor traseiro de 1200cm3 refrigerado a ar, era um veículo versátil com configurações furgão e van, levava até 9 pessoas e sem os bancos traseiros era ideal para o transporte de cargas, o acesso tanto para pessoas quanto para cargas era facilitado pelas portas laterais. Logo depois surgiu uma inusitada versão 6 portas que era muito usada como taxi. 

 Imagem: reumatismocarclub.com.br

Em 1967 foi a vez da versão picape e nesse mesmo ano o motor passou para 1500 cm3 e um sistema elétrico de 12V, ficando assim até 1975

Imagem: lideracessorios.wordpress.com

A Kombi de 1976, possuia uma nova frente e lanternas traseiras, além de leves alterações,  também recebeu um motor de 1600 cm3 e 58 cv e em 1978 ganhou carburação dupla.

Imagem via Bruno Kussler Marques
Posteriormente outras versões foram lançadas, como picape com cabine simples e cabine dupla além de versões com motor  à alcool e também à diesel.

A versão Diesel chegou em 1981, era o mesmo motor do Passat diesel que a VW exportava, esta se difere pelo grande radiador preto na frente, mas só durou até 1985.

Na década de 90 com a concorrência finalmente chegando (como as asiáticas Besta e Towner), a Kombi recebe uma atualização em 1997, um teto mais retangular, novo interior, porta corrediça e injeção multiponto. Curiosidade, a porta corrediça existia na Kombi alemã desde 1967. No final de 2005 devido as novas exigências da lei a VW aposenta na Kombi o famoso motor refrigerado à ar dando lugar ao refrigerado à água da família do Gol e o radiador frontal retorna.
 

E finalmente no final de 2013 a Kombi fez sua despedida no mercado após 56 anos, com a versão Last Edition cheia de ítens pensando nos colecionadores, o preço salgado também foi pensando nos colecionadores, rs.