13 de ago de 2014

Boa noite!


Lindos Pumas, não? TODOS eles são do Mineirinho.
  Caríssimos, o amigo Du Oliveira convidou-me para colaborar com este blog. Aceitei, como podem deduzir, após alguns dias sem abrir o Gmail. Gostaria de deixar alguns pontos claros, para não causar mais polêmicas do que as necessárias; podem acreditar, dizer que o Golf obeso só tem de Fusca o nome, já me rendeu muitos xingamentos. Ah, é Fusca? Joga na lama, que eu quero ver!



Mais valente do que propriamente rápido, o 147 Rallye fez sucesso.

  Eu tenho um humor muito particular, muitas vezes corrosivo, tipicamente britânico. Eu sempre passo isso para meus textos. Sim, textos! Eu não publicarei photographias e vídeos só com descrições de twitter, discorrerei no que for necessário. Mas não hoje, que é apenas uma apresentação.

  Eu uso muito a graphia antiga, que apesar de estar em desuso, jamais foi decretada como morta ou proibida. É da minha índole, cousas de fusqueiro arraigado. Quem se dispuser a ler o conteúdo, não terá problemas com ela. Com a graphia, vem também meu linguajar um tanto anacrônico, presente em quase todos os meus colóquios. Mas asseguro que será do balacobaco!

O Monza, carro de gente bem sucedida que foi líder de vendas por anos.
Este aqui merecia um restauro, convenhamos.


  O humor de que sou portador traz uma amiga, a ironia. é aqui que o rotor torce o platinado, porque nem sempre será compreendida a contento e muitos ficarão com cara de paisagem, efeito comum, nem eu me entendo às vezes. O facto é que tudo o que eu colocar no texto, terá sido necessário.

  Eu costumo ir a encontro de veículos antigos e similares, embora eu já não tenha mais a disponibilidade de tempo de outrora. Por isso muito do que eu publicar, sairá do meu acervo. Vocês são livres baixar e reproduzir, sem problemas, mas se eu souber de alguém ganhando dinheiro com minhas photographias... Entenderam, né? Tenho testemunhas e registros de todas.

  Sou vintagista e tiozão assumido, então não me detratem quando eu disser que prefiro um sedan familiar a um coupé esportivo, porque prefiro, inclusive com tons pastéis e "bebê" de pintura. Claro, sei admirar um belo Maverick GT 302 amarelo, mas ele não seria minha primeira opção para começar uma coleção.

Para prevenir chiadeiras, já aviso que é meu carro preferido e será também nos meus artigos.

  Sem mais para o momento, dou as boas-vindas aos leitores desta emérita página cibernética em rede. Até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário